Complexo Vitamínico

Complexo Vitamínico

Não são poucos os conselhos que ouvimos sobre o consumo de complexo vitamínico. Indicada para o combate à indisposição e à falta de apetite, a suplementação vitamínica é tida como uma alternativa que garante a boa saúde. Entretanto, o consumo do complexo vitamínico não é 100% indicado, já que muitos nutrientes, vitaminas e minerais podem ser obtidos por meio de uma dieta equilibrada, garantindo assim o bom funcionamento do nosso organismo.

Muitas pessoas fazem uso do complexo vitamínico a fim de suprir as necessidades diárias que nosso corpo possui. Porém, apesar destes produtos serem fontes de importantes substâncias, os especialistas recomendam seus usos somente em casos específicos, como, por exemplo, para pessoas que apresentam deficiência nutricional. Já no caso de quem está com a saúde em dia, não há a necessidade de se consumir complexo vitamínico. Quando usado sem necessidade, o suplemento vitamínico pode apresentar efeito nulo, e até mesmo prejudicar o organismo.

As vitaminas, presentes em diversos alimentos que são consumidos diariamente, são essenciais para a manutenção da saúde e da vida. Portanto, uma dieta equilibrada e saudável é fundamental para que a gente não sofra de alguma deficiência. Caso o indivíduo tenha necessidade de obter determinadas vitaminas devido a alguma deficiência nutricional, aí sim o complexo vitamínico tem seu uso indicado.

vitaminas

A deficiência de vitaminas pode acontecer tanto por causa de uma alimentação incompleta, como pelo organismo não conseguir absorver tais substâncias, seja por causa de doenças, seja pelo corpo apresentar dificuldades. A suplementação através do complexo vitamínico, portanto, tem sua indicação para aqueles que sofrem de deficiência nutricional, caso contrário, os seus benefícios não são aproveitados como deveriam.

Uma dieta equilibrada é fonte de todas (ou quase todas) vitaminas que nosso organismo necessita. Apesar de diversas pessoas que estão com a saúde em dia afirmarem que o consumo de complexo vitamínico contribui para a saúde, muitos especialistas acreditam que isso não passa de efeito placebo. A vitamina D, por exemplo, uma das substâncias que muitas pessoas sofrem deficiência, pode ser obtida pelo consumo de leite, fortalecendo os ossos quando o sol a sintetiza. O fato é que a vitamina D é destruída quando o leite é pasteurizado, motivo pelo qual a vitamina é adicionada ao produto pelos fabricantes. Já o cálcio, apesar de não ser uma vitamina, e sim um mineral, é importante para a saúde dos nossos dentes, cabelos e unhas, contribuindo assim para que a gente se preserve da osteoporose e das demais doenças ósseas.

complexo-vitamínico-benefícios

Apesar do cálcio estar presente nos alimentos lácteos, ele também pode ser obtido através do consumo de alimentos como o espinafre, o brócolis, o tofu (queijo de soja), a couve e algumas frutas, como a laranja. A dose diária recomendada de cálcio é entre 500 mg e 1 g.

A vitamina B-12, por sua vez, é mais deficiente nas pessoas que apresentam idades entre 25 e 60 anos, acometendo cerca de 10% da população cuja faixa etária ultrapassa os 65 anos. Ao menos 1% da população de pessoas idosas acaba sofrendo de graves consequências devido à deficiência da vitamina B-12, como distúrbios psiquiátricos, neurológicos e anemia megaloblástica. Podemos obter a vitamina B-12 através do consumo de alimentos como carnes, ovos e leite.

As vitaminas, apesar de serem essenciais para a manutenção da nossa saúde, não devem ser consumidas de forma excessiva, já que isto pode causar um efeito contrário. A vitamina E, por exemplo, quando consumida excessivamente, pode contribuir para o desenvolvimento de doenças como o câncer e o AVC (Acidente Vascular Cerebral). Entretanto, não há grandes motivos para preocupação, já que os malefícios causados pela vitamina E só acontecem quando a substância é consumida em doses extremamente exageradas, especialmente se o consumo é feito juntamente com o uso de ginkgo biloba e ácido acetil-salicílico.

suplementos-vitamínicos

A vitamina A, por sua vez, quando consumida de maneira excessiva por idosos pode contribuir para o desenvolvimento da osteoporose, já que esta vitamina inibe a célula responsável pela formação dos ossos, bem como pela descalcificação óssea.

A vitamina D é outro mineral que muitos idosos sofrem deficiência. Entretanto, se consumida excessivamente, ela causa hipercalcemia, já que a sua atuação se dá no metabolismo do cálcio, aumentando a absorção do mineral por parte do intestino. Entretanto, são raros os casos em que a vitamina D age de maneira prejudicial, já que é necessário o consumo de altas doses da vitamina para que tais efeitos maléficos existam.

Tanto a vitamina A como as vitaminas D e E se armazenam no nosso fígado, bem como nos nossos tecidos gordurosos e, por este motivo, podem ser prejudiciais quando consumida exageradamente. As vitaminas do complexo B, por sua vez, são eliminadas do organismo por meio da urina. Deste modo, o uso de complexo vitamínico sem orientação médica pode não apenas apresentar efeito nulo, como prejudicar a saúde.

A suplementação por meio do complexo vitamínico combina diversas vitaminas e sais minerais que, muitas vezes, interagem entre si, anulando seus benefícios. Deste modo, o complexo vitamínico não tem validade para quem sofre de deficiência de apenas uma substância, principalmente pelo fato do complexo vitamínico nem sempre apresentar quantidades suficientes de tal elemento que a pessoa necessita.

A melhor maneira de se obter as vitaminas, minerais e outras substâncias benéficas à saúde é ter uma alimentação diversificada e equilibrada, associada à prática de atividades físicas. Diversos legumes, frutas, verduras, vegetais, grãos e alimentos de origem animal são fontes de vitaminas e minerais. Assim, a deficiência de determinadas substâncias só ocorre em casos específicos, casos estes onde o uso do complexo vitamínico pode ser necessário, apesar dos sintéticos não serem a opção mais indicada.

vida-saudável

A reeducação alimentar e a consciência da importância de se alimentar bem são fundamentais para uma vida saudável e mais feliz. É de extrema importância que saibamos sobre a importância de cada alimento para o nosso organismo, para que possíveis erros na alimentação sejam evitados, garantindo assim mais energia, vigor e vitalidade.

Este artigo foi útil?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...