São muitas as pessoas que, na busca pelo emagrecimento rápido e fácil, acabam optando por dietas que muitas vezes são restritivas, ou acabam ingerindo remédios que prometem o emagrecimento. No entanto, existem alimentos e receitas que são verdadeiros emagrecedores naturais, muitas vezes oferecendo resultados mais eficazes e melhores.
Para que seus benefícios sejam sentidos, porém, é necessário que os emagrecedores naturais integrem uma dieta equilibrada e saudável, além da prática frequente de exercícios físicos.

Nós da Opas queremos alertar que, apesar dos emagrecedores naturais serem bons e seu consumo ser indicado, não existe nenhuma solução mágica que proporcione a perda de peso sem um pouco de dedicação e esforço, pelo menos até hoje. Na mídia há diversas promessas grandiosas de dietas que levam ao emagrecimento fácil. Porém, não passam de táticas para alavancar as vendas.

O sobrepeso pode ter diversas causas e origens, e é importante que cada indivíduo passe por avaliação médica, para que descubra qual é o melhor jeito de obter o resultado desejado. Na maior parte das dietas, é importante que atividades físicas sejam praticadas regularmente, além de ser extremamente fundamental que a alimentação seja equilibrada e o mais natural possível.

Os emagrecedores naturais, quando sozinhos, dificilmente levam aos resultados desejados. Entretanto, quando fazem parte de um estilo de vida saudável, eles realmente ajudam a maioria das pessoas a emagrecer. Emagrecedores naturais são, portanto, um complemento de um estilo de vida, e não a causa final. Converse com o seu nutricionista para saber quais hábitos você deve iniciar e quais você deve eliminar.

A seguir, confira os mais eficientes emagrecedores naturais que ajudam no processo de perda de peso de uma maneira saudável e bastante benéfica.

Emagrecedores Naturais

– Chá de Oliveira

Chá de Oliveira

Chá de Oliveira

Um ótimo emagrecedor natural, o chá de oliveira proporciona um efeito que acelera o metabolismo, além de possuir substâncias que combatem as gorduras indesejadas, principalmente aquelas armazenadas na região da barriga.
Nele estão contidas todas as substâncias benéficas que são encontradas nas folhas da oliveira, como cobre, zinco, selênio, fósforo, potássio, manganês, ômega-3, ômega-6 e as vitaminas A e E.

O chá de oliveira também possui Ômega-3, que combate a gordura localizada, além de proporcionar diversos outros benefícios. Ele também é rico em minerais e possui efeito antioxidante, combatendo os radicais livres, combatendo assim o envelhecimento precoce da nossa pele e nos protegendo do surgimento de doenças graves, como o câncer.

Os flavonoides presentes no chá de oliveira garantem uma ação antialérgica e anti-inflamatória, ajudando a vitamina C a se fixar no nosso organismo. Quer mais? Segundo um estudo realizado na Austrália, o chá de oliveira ainda é capaz de regular a pressão arterial.

Quer aprender a prepara o chá de oliveira? Então siga as instruções:

Ingredientes:

Um litro de água

Folhas secas de oliveira

Modo de preparo: aqueça a água quase até o ponto de fervura e despeje as folhas secas. Tampe e deixe as folhas em infusão por cerca de 5 minutos. Coe em seguida.

Você pode consumir o chá de oliveira diariamente, entre 3 e 4 xícaras. O ideal é tomar uma xícara meia hora antes de cada refeição principal.

 

– Linhaça

Linhaça
Linhaça

Semente que é uma excelente fonte de fibras, a linhaça proporciona sensação de saciedade, fazendo dela um ótimo controlador natural da fome. Ela também melhora o funcionamento do intestino, além de contribuir para a prevenção do diabetes.

A linhaça, como todos os alimentos que são ricos em fibras, precisa ser bem mastigada. A mastigação bem feita aumenta a produção do suco gástrico, que junto com a saliva e com os alimentos, leva ao aumento de volume no estômago, levando ao prolongamento da sensação de saciedade.

Os alimentos fibrosos, quando ingeridos, formam uma espécie de gel dentro do estômago. Esse processo “forra” as paredes do estômago, o que leva ao retardamento da digestão, gerando o efeito da saciedade e, consequentemente, à menor ingestão de alimentos, ajudando no controle do peso.

Outro fato interessante das fibras é que o processo de fermentação delas por parte das bactérias do intestino também promove a sensação de saciedade, uma vez que o organismo, durante esse processo, libera GLP-1, um hormônio com efeito sacietógeno que, quando secretado, leva à saciedade. A pessoa passa a ingerir menos calorias, conseguindo emagrecer com maior facilidade.

A linhaça, quando ingerida com certa quantidade de água, também leva ao melhoramento do trânsito intestinal, graças às suas fibras. Com o intestino funcionando melhor, as toxinas são eliminadas com maior facilidade, ajudando a diminuir o inchaço.

Para que os benefícios da linhaça – um dos emagrecedores naturais mais plenos – sejam bem aproveitados, entretanto, o consumo da semente não deve ser feito de forma exagerada, pois a linhaça pode levar ao aumento de gases, quando consumida em excesso.

Dica de consumo: você pode consumir uma ou duas colheres (sopa) de linhaça diariamente, preferencialmente pela parte da manhã. A linhaça combina muito bem com iogurte, vitaminas, saladas e porções de frutas.

 

– Aveia

Aveia
Aveia

A aveia, um dos alimentos emagrecedores naturais mais amplamente populares e consumidos, é também um cereal que possui a capacidade de prolongar a sensação de saciedade, já que, assim como a linhaça, é uma excelente fonte de fibras.

Consumida em flocos, farelos ou em forma de farinha, a aveia proporciona o emagrecimento porque suas fibras retardam a digestão, além de contribuir para o melhoramento do trânsito intestinal. Um fato curioso das fibras solúveis da aveia é que elas diminuem a absorção de gorduras e açúcar por parte do nosso organismo, criando um efeito interessante de emagrecimento.

A beta-glucana, uma fibra solúvel presente na aveia, é alvo de diversos estudos científicos. Ela é capaz de reduzir a absorção do colesterol e retardar a absorção do açúcar, contribuindo para a redução dos níveis de colesterol ruim (LDL) no nosso sangue. Além disso, o consumo regular da aveia contribui positivamente também para a redução da pressão arterial, elevando o controle do diabetes.

Ingerir água ao longo de todo o dia é importante, e quando falamos de aveia é mais ainda. Isso porque o alimento necessita estar em contato com a água para que a beta-glucana proporcione os seus efeitos benéficos à saúde.

Intestino regulado também é outro benefício que conseguimos com o consumo da aveia, reduzindo o acúmulo de líquidos e toxinas no nosso corpo e, consequentemente, contribuindo para a perda de peso e evitando o inchaço do corpo. Os antioxidantes amplamente encontrados na aveia ainda previnem o envelhecimento do nosso organismo.

O zinco, presente na aveia, melhora o nosso sistema imunológico, contribuindo para a saúde da pele. Já o boro, um mineral também presente no cereal, proporciona uma melhor saúde aos ossos.

Dica de consumo: é importante que a aveia não seja consumida em grandes quantidades, já que o seu consumo exagerado pode provocar inchaço, ao invés do contrário. A quantidade diária ideal é de 20 à 75 gramas de aveia. Uma colher (sopa) de aveia contém 20 gramas, aproximadamente.

A aveia combina perfeitamente com leite, vitaminas, mingau e salada de frutas. Ela também pode ser utilizada em forma de farinha na confecção de bolos e biscoitos, adicionando mais nutrientes aos alimentos.

 

– Água de Berinjela

Água de beringela
Água de beringela

A água de berinjela, bastante poderosa para quem quer emagrecer, é também um dos emagrecedores naturais mais fáceis de serem preparados. Ela promove a saciedade e ajuda na eliminação do excesso de gordura.

A berinjela é um vegetal cheio de nutrientes e fibras insolúveis, fator que a torna um alimento que ajuda a prolongar a sensação de saciedade, levando à ingestão de menos calorias e, consequentemente, ao emagrecimento.

Assim como no caso da linhaça, as fibras da berinjela se transformam em uma espécie de gel dentro do estômago quando misturadas à água, absorvendo a gordura e promovendo sua eliminação por meio das fezes antes que elas cheguem à corrente sanguínea.

A soma desses fatores faz da água de berinjela um dos emagrecedores naturais mais amplamente consumidos, tanto pelo seu preparo fácil quanto pelas propriedades benéficas que ela possui. Aprenda a como prepará-la:

Ingredientes:

Meia berinjela (tamanho médio ou grande)

250 ml de água

Modo de preparo: Corte a berinjela em cubos e cubra-os de água, deixando eles de molho durante toda a noite. Você deve ingerir a água de berinjela na manhã seguinte e em jejum. Não coe.

– Suco Verde

Suco Verde
Suco Verde

O suco verde ajuda no processo de emagrecimento, promove uma desintoxicação do organismo e é preparado com diversos ingredientes. Boa parte de sua fama de ser um potente emagrecedor natural se dá ao fato de diversas celebridades terem declarado fazer uso do suco para manterem a forma em dia e o corpo bonito e saudável.

Como bons emagrecedores naturais, o suco verde ajuda na eliminação das toxinas que são prejudiciais ao nosso organismo. Sua composição leva frutas, folhas verdes, legumes, sementes e brotos. Rico em fibras, ele prolonga a sensação de saciedade e contribui para que os níveis de glicose no sangue permaneçam normais, evitando inclusive o aumento dos níveis do colesterol ruim, o LDL.

Certos vegetais que costumam ser usados na preparação do suco verde são excelentes fontes de compostos cidrilicos, como o espinafre e a couve. Dentre os benefícios, inclui-se o poder que eles têm em realizar uma limpeza no organismo, eliminando as toxinas que são prejudiciais à saúde e à beleza. Outro fator que contribui para a eliminação das gorduras é que o suco verde também tem efeitos anti-inflamatórios.

Ingredientes: O suco verde na verdade não se trata de apenas uma receita, mas sim diversas receitas, cada uma com suas peculiaridades. Os ingredientes variam de acordo com o gosto e disponibilidade de cada um. A única coisa importante é que os ingredientes sejam frescos e de preferência orgânicos.

As folhas escuras são as mais indicadas para o uso. Rúcula, agrião, salsinha, couve e espinafre são as mais populares no preparo do suco verde, devido ao fato delas serem verdadeiras fontes de antioxidantes, eliminando os radicais livres. Entretanto, você deve limitar as folhas a 2 tipos.

Já as frutas mais indicadas para o suco são a laranja, o pêssego, o abacaxi, a maçã, o melão, a ameixa e os damascos secos, que conferem um sabor doce à bebida. A maçã é uma boa opção, pois além do seu sabor agradável, também possui pectina, uma fibra que ajuda o organismo na eliminação das toxinas. A laranja, por sua vez, é fica em vitamina C, um nutriente que fortalece o organismo. Melão e abacaxi são ricos em vitamina A, complexo B e vitamina C, que combatem a retenção de líquido, evitando assim o inchaço corporal.

A adição de broto de feijão ou broto de alfafa garante uma melhor eficiência na eliminação de toxinas que se acumulam no nosso organismo, também ajudando no processo digestivo.

Raízes e tubérculos, como cenoura e beterraba – ricas em fibras, betacaroteno e vitaminas C e E – também são antioxidantes naturais. O inhame, por sua vez, é um anti-inflamatório natural bastante poderoso, inclusive contribuindo para o combate à celulite e às gorduras.

Por fim, sementes como chia e linhaça, que além de serem ricas em fibras também são fontes de Ômega-3 combatem a inflamação do organismo e prolongam a sensação de saciedade, facilitando a perda de peso.

Sugestão de receita:

150 ml de água potável ou água de coco

Duas folhas de couve

Dois talos de salsão

Uma rodela de abacaxi

Uma fatia de gengibre

Preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador e beba em seguida, de preferência sem coar.
Sugestão de consumo:

Sugestão de consumo: Beba o suco verde pela parte da manhã, em jejum, pelo menos meia hora antes da refeição, pois nesse horário o nosso organismo absorve os nutrientes da bebida com maior facilidade, aproveitando todos os benefícios que ela nos oferece.

 

– Chá Branco

Chá Branco
Chá Branco

Os efeitos termogênicos do chá branco são capazes de acelerar o metabolismo, levando o nosso corpo a queimar mais calorias. Por muito tempo o chá verde – também um dos melhores emagrecedores naturais – foi considerado o melhor chá para aqueles que querem emagrecer. Porém, de um tempo para cá o chá branco ganhou espaço na alimentação de quem deseja perder peso.
Além de ser uma bebida termogênica, o chá branco também é diurético, antioxidante, previne o aumento do colesterol e o câncer de cólon. Entretanto, uma coisa que muitas pessoas não sabem é que o chá branco é feito com a mesma erva que o chá preto e o chá verde, a Camellia sinensi, com a diferença de que para o preparo do chá branco são utilizadas as folhas mais jovens do vegetal.

A colheita das folhas para o chá branco é feita apenas uma vez por ano. Nele também são utilizados os brotos e as flores da erva. Depois que se colhem os brotos, eles são cozidos no vapor, sendo, em seguida, levados para um processo que os secam. Por ter um processamento rápido, muitas pessoas acreditam que o chá branco apresenta propriedades benéficas mais concentradas e eficazes, além de um sabor mais agradável, adocicado e suave do que o do chá verde.

O chá branco, quando ingerido, eleva a temperatura corporal e acelera o metabolismo, resultando em uma melhor queima de gorduras. O seu poder anti-inflamatório promove o bom equilíbrio do organismo, protegendo este das possíveis inflamações, além de reduzir o acúmulo das gorduras. Por também ser diurética, a bebida ajuda a eliminar o inchaço do corpo. Aprenda a fazê-lo.

Ingredientes:

Um sachê de chá branco

Uma xícara com água quente

Modo de preparo: Coloque o sachê na xícara e despeje a água quente em seguida. Tampe a xícara e deixe o chá descansar por cerca de 15 minutos. Beba em seguida e adicione adoçante se achar necessário.

Cuidados: O consumo do chá branco não deve ser feito de maneira exagerada, uma vez que ele possui cafeína em sua composição, podendo causar transtornos do sono se ingerido em excesso. Outro cuidado importante que você deve ter é não tomá-lo pela parte da noite, nem após as refeições principais. Isso porque a cafeína prejudica a absorção de nutrientes importantes – como o ferro e a vitamina C – por parte do organismo.

 

– Óleo de Cártamo

Cartamo

Considerado um dos emagrecedores naturais mais famosos, o óleo de cártamo ajuda a reduzir o apetite, aumentando a sensação de saciedade e, consequentemente, a perda de peso. Pesquisas científicas vêm sido feitas nos últimos 20 anos, comprovando que o óleo de cártamo é proporciona o emagrecimento.

Assim como os demais emagrecedores naturais, o óleo de cártamo leva à redução do apetite e promove a sensação de saciedade, levando o nosso organismo a consumir a gordura armazenada no corpo. Os efeitos benéficos podem ser sentidos principalmente na área da barriga, onde o óleo de cártamos atua mais, reduzindo a gordura da região.
O ácido linoleico, presente no óleo de cártamo, bloqueia a transferência da gordura da corrente sanguínea para as nossas células, eliminando a gordura armazenada, uma vez que o organismo a utiliza para obter a energia que nós necessitamos.

Excelente fonte de vitamina E, o óleo de cártamo também é um bom anti-inflamatório e antioxidante natural, pois elimina os radicais livres do nosso organismo, retardando o seu envelhecimento e, consequentemente, diminuindo os riscos de possíveis doenças surgirem. Ele também aumenta a massa magra (músculos) e o HDL (o colesterol bom), além de, claro, acelerar o metabolismo. Por fim, o óleo de cártamos também reduz os riscos de desenvolvimento de arteriosclerose.

A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) classifica o óleo de cártamos como suplemento alimentar. Entretanto, ele possui certas contraindicações para o consumo. Pessoas que têm alergia à ovos ou à óleo de soja, assim como aquelas que sofrem de diabetes ou problemas renais não devem consumi-lo. Mulheres gestantes, aquelas que têm a intenção de gravidar, ou até mesmo as lactantes, também não devem consumir o óleo.

Efeitos colaterais: O óleo de cártamos pode provocar alguns efeitos colaterais, como aumento da taxa de glicose no sangue, náuseas, sudorese, dor de cabeça e elevação da peroxidação lipídica. Ele também contém grande quantidade de ácidos graxos essenciais de Ômega-6, que quando consumidos em excesso podem contribuir para o surgimento de doenças cardiovasculares e até diabetes.
Recomendações para consumo: O óleo de cártamo pode ser consumido tanto como suplemento nutricional como óleo de cozinha, podendo também ser misturado às saladas.

Quando em forma de óleo em cápsulas, o seu consumo recomendado é de duas vezes ao dia, meia hora antes de cada refeição principal. Procure sempre um profissional da área da saúde antes de consumir o óleo de cártamo ou qualquer outro produto com fins medicinais.

Benefício dos Chás

O benefício dos chás

Conheça os Emagrecedores Naturais
5 (100%) 2 votos
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES
Cuide da sua saúde.
Receba nossos novos artigos em seu e-mail e fique sempre informado!

1 COMENTÁRIO

  1. EU ESTOU AQUI PRA VENDER UMPRODUTO SIM! MAS ANTES DISSO EU TB SOU MULHER E NUNCA QUIS FAZER PRO PROPAGANDA ENGANOSA. TODOS OS PRODUTOS QUE EU DIVULGO ANTES FAÇO O TESTE. E ESSES PRODUTOS SÃO EXCELENTES AS ESTRIAS ESTÃO MAS ESCURAS E AFINARAM É ÓTIMO! PERDE MEDIDAS TB MAS O QUE MAS MIM DEIXOU FELIZ FOI AS ESTRIAS ESCURECE E AFINAR.
    Kit Barriga Seca Hinode

    Com o Kit Barriga Seca Hinode você terá 3 produtos maravilhosos que iram te auxiliar na perda de peso e medidas, nesse kit você vai contar com:

    Gel Corps Linea REDUTOR

    Esfoliante Luar Gel

    H+ SHAKEhttp
    http://www.skipup.com.br/hinode-kit/

Comente