O que é AVC?

Um acidente vascular cerebral (AVC) é uma emergência médica que requer atenção imediata. Um derrame ocorre quando o sangue que transporta oxigênio para o cérebro é bloqueado. Sem oxigênio, as células cerebrais começam a morrer em poucos minutos.

Muitas pessoas sofrem derrame e AVC. Os derrames podem ocorrer em qualquer idade, embora o risco de derrame aumente à medida que você envelhece.

Tipos de AVC

Existem dois tipos principais de acidente vascular cerebral:

  • Derrames isquêmicos são causados ​​por coágulos sanguíneos.
  • Os acidentes vasculares cerebrais hemorrágicos são causados ​​por sangramento no cérebro ou ao redor dele.

AVC Isquêmico

Derrames isquêmicos são responsáveis ​​por mais de 80% de todos os derrames.

Eles acontecem quando há um coágulo de sangue que bloqueia o fluxo de sangue para uma parte do cérebro.

Existem duas maneiras de isso acontecer:

  1. Um coágulo pode se formar em um vaso sanguíneo do pescoço ou do cérebro que foi reduzido por um acúmulo de placa. A placa é uma combinação de gordura, colesterol e outras substâncias que se acumulam no revestimento interno das paredes das artérias. Esta condição é muitas vezes referida como aterosclerose, ou “endurecimento das artérias”.
  2. Um coágulo pode se desprender de um vaso sanguíneo em algum outro lugar do corpo e viajar para o cérebro, onde fica preso em um dos minúsculos vasos sanguíneos do cérebro. Isso é chamado de embolia.

Derrame Cerebral

Os acidentes vasculares cerebrais hemorrágicos ocorrem quando um vaso sanguíneo enfraquecido no cérebro se rompe e sangra no tecido cerebral adjacente.

Isso coloca muita pressão sobre as células do sangue no tecido circundante, cortando o suprimento de sangue e causando danos.

Um aneurisma – um ponto fraco na parede de um vaso sanguíneo que se espalha para fora – pode levar a um derrame hemorrágico, assim como um emaranhado de vasos sanguíneos mal formados chamado de malformação arteriovenosa.

hipertensão arterial crônica também pode enfraquecer as manchas na parede da artéria, tornando essas manchas mais propensas à ruptura. Cerca de 13 por cento de todos os acidentes vasculares cerebrais são acidentes vasculares cerebrais hemorrágicos.

O que é Um TIA?

Um AIT, ou ataque isquêmico transitório, é um bloqueio temporário causado por um coágulo sanguíneo.

A AIT é por vezes referida como “mini-curso” ou “acidente vascular cerebral”, porque pode ser um sinal de aviso de um acidente vascular cerebral futuro.

Cerca de 40 por cento das pessoas que têm um ataque isquêmico transitório (AIT) terão um grande AVC dentro de um ano se a condição não for tratada, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

Complicações do AVC

Um acidente vascular cerebral pode causar incapacidades temporárias ou permanentes.

As complicações do AVC dependerão de qual parte do cérebro foi afetada pelo AVC e por quanto tempo o cérebro ficou sem oxigênio.

Algumas complicações comuns do AVC incluem:

  • Inchaço cerebral
  • Dificuldade em falar ou engolir
  • Problemas de controle da bexiga
  • Convulsões
  • Depressão
  • Dificuldade em andar ou movimentar seus membros
  • Perda de memória

O tratamento para complicações do AVC geralmente envolve uma combinação de terapia e medicação.

Quais são os Sintomas do AVC?

Acidente vascular cerebral é uma das principais causas de incapacidade e morte no Brasil e em outros países.

Tratamentos estão disponíveis que podem reduzir os danos do acidente vascular cerebral. A obtenção de tratamento dentro de 60 minutos após um derrame pode ajudar a prevenir a incapacidade permanente.

Conhecer os sinais e sintomas do AVC pode ajudar a salvar vidas.

Como o derrame fere o cérebro, as pessoas que estão sofrendo um derrame podem não estar cientes disso.

Sinais Comuns de Derrame

O tipo e a gravidade dos sintomas do AVC dependem da área do cérebro afetada.

 

Sinais e sintomas de AVC em homens e mulheres podem incluir:

  • Dormência súbita, fraqueza ou incapacidade de mover a face, o braço ou a perna (especialmente em um lado do corpo)
  • Confusão
  • Problema para falar ou entender o discurso
  • Problema de visão em um ou ambos os olhos
  • Tontura, dificuldade para andar ou perda de equilíbrio ou coordenação
  • Dor de cabeça súbita e intensa (frequentemente descrita como “a pior dor de cabeça da minha vida”)
  • Problemas respiratórios
  • Perda de consciência

Sintomas de Derrame em Mulheres

Acidente vascular cerebral é a terceira principal causa de morte em mulheres (e a quinta principal causa de morte em homens).

Os sintomas de derrame que as mulheres podem experimentar podem ser diferentes daqueles experimentados pelos homens. Esses incluem:

  • Desmaio
  • Dificuldade ou falta de ar
  • Mudanças comportamentais repentinas
  • Agitação
  • Alucinação
  • Náusea ou vômito
  • Convulsões
  • Soluços

Náusea

Como é Feito o Diagnóstico do AVC?

Seu médico diagnosticará o derrame com base em vários fatores, incluindo sintomas, histórico médico, exame físico e testes de diagnóstico.

Os seguintes testes cerebrais e cardíacos podem ser usados ​​para ajudar a diagnosticar o AVC:

  • Tomografia computadorizada do cérebro (tomografia computadorizada do cérebro – usa raios X para tirar fotos do cérebro)
  • Ressonância magnética (ressonância magnética cerebral – usa ímãs e ondas de rádio para mostrar alterações no tecido cerebral)
  • Ultra-sonografia carotídea ou angiografia carotídea (mostra o interior das artérias que fornecem sangue ao cérebro)
  • Eletrocardiograma (ECG – um teste do coração para ajudar a detectar problemas cardíacos que podem ter levado a um derrame)
  • Ecocardiografia (cria uma imagem do coração para mostrar o quão bem está funcionando)

Os exames de sangue também podem ser usados ​​para ajudar a diagnosticar um derrame.

AVC Isquêmico e Hemorrágico: o que é, Sintomas, Causas e Sequelas
5 (100%) 1 voto


Comente