46471012 - clean male toes without any dermatological issues.

O que é Calcanhar de Maracujá?

Acredito que muitos, assim como eu, devam ser fãs do delicioso sabor do maracujá, seja ele vindo diretamente da fruta ou de outros produtos produzidos a partir dela. Entretanto nunca pensaria que um dia encontraria uma doença com o nome de tal fruta, ainda mais uma doença grave e que deve ser tratada com toda a atenção.

Quando eu falo grave, acredite, é algo realmente grave, cujos sintomas são extremamente desagradáveis tanto para aqueles que estão passando pelo problema, quanto para aqueles que sequer olham para o estado em que o calcanhar pode ficar caso não seja tratado prontamente, afinal de contas uma infestação de larvas consumindo a pele e a carne do calcanhar não é algo exatamente agradável de se ver.

A doença se chama miíase, entretanto recebeu o apelido de calcanhar de maracujá devido ao estado de degradação total que é o calcanhar do pé que, infelizmente, foi infectado por ela. As larvas da mosca varejeira são alocadas na área do calcanhar e consomem os tecidos externos e internos do pé, deixando uma trilha esbranquiçada, muito semelhante ao maracujá, daí o nome popular da doença.

Calcanhar de Maracujá

Existem três tipos de miíase, ou calcanhar de maracujá:

  • Miíase furuncular: similar a uma espinha
  • Miíase migratória: similar ao bicho geográfico
  • Miíase cavitária: aparece em feridas abertas e câncer de pele

Os diferentes tipos de calcanhar de maracujá podem ter origem através da miíase primária ou secundária:

  • Miíase primária: os ovos (que viram larvas) são depositados pelas moscas na pele, roupas úmidas, terra ou areia
  • Miíase secundária: o desenvolvimento larval se dá em peles que não estejam saudáveis e apresentem feridas com necrose ou ulcerações (como câncer de pele ou leishmaniose)

larvas

Como se Pega a Doença do Calcanhar de Maracujá?

O calcanhar de maracujá é causado pela entrada da larva da mosca-varejeira no corpo e, por isso, existem 2 formas de pegar esta doença, que incluem:

  • A mosca-varejeira pousa numa ferida e deposita seus ovos, que irão transformar-se em larvas;
  • A larva da mosca entra na pele por uma ferida ou corte e se desenvolve nesse local, como por exemplo, quando se anda descalço.

Após a entrada da larva, o local fica avermelhado e um pouco inchado, com um furinho no meio, por onde a larva respira e, por vezes, é possível sentir uma dor em pontada ou coceira no local, por exemplo.

Quais são os Sintomas Mais Comuns do Calcanhar de Maracujá?

Os sintomas do calcanhar de maracujá dependem do tipo de miíase:

Miíase furuncular: se assemelha a uma espinha ou furúnculo, com uma abertura central, mas em vez de sair pus, sai um líquido serossanguinolento quando espremido. Os pacientes sentem desde leves picadas até dores muito agudas, como pontadas, no local da infestação

Miíase migratória: o aspecto se assemelha ao bicho geográfico, só que aqui as larvas são um pouco maiores e se movem mais lentamente. A sensação de queimação, coceira e dor também pode estar presente

Miíase cavitária: é possível visualizar as larvas se movendo no fundo da ferida e, dependendo do tipo de larva envolvida, pode haver destruição de tecidos, perda de partes da pele, acometimento de tecidos e órgãos mais profundos e até mesmo morte.

De forma geral, pode haver lesões vermelhas, dolorosas e que parecem furúnculos. Mais raramente podem ser acometidos pulmões, intestino, seios da face, meninges, olhos, nariz e orelhas. Nesses casos, os sintomas estarão relacionados a estes órgãos.

saúde-geral

Como Tratar o Calcanhar de Maracujá? 

A primeira opção de tratamento para o calcanhar de maracujá consiste na remoção das larvas da região por um profissional de saúde e limpeza da ferida para evitar o surgimento de uma infecção. No entanto, quando existem muitas larvas ou já existe muito tecido morto, pode ser necessário fazer cirurgia para retirar todas as larvas e eliminar a pele morta.

O tratamento para o calcanhar de maracujá é feito com asfixia da larva, que é espremida pelo(a) dermatologista por meio de técnicas corretas. Ou seja, geralmente é feita a extração manual das larvas.

A remoção do tecido local necrosado (em uma técnica chamada de desbridamento cirúrgico) é necessária apenas em caso de infestação maciça em úlceras.

Após a limpeza, é importante ir diariamente ao posto de saúde para fazer o tratamento adequado da ferida, para facilitar a cicatrização e evitar uma infecção grave. Além disso, o médico pode ainda receitar o uso de antibióticos e vermífugos, para eliminar alguma larva que ainda possa estar no corpo devido ao calcanhar de maracujá.

Como a eliminação das larvas não é uma coisa tão simples como pode parecer, não é recomendado qualquer opção de tratamento caseiro para essa tratar o calcanhar de maracujá.

Cirurgia

Como Evitar o Calcanhar de Maracujá?

A melhor forma de evitar pegar uma doença como o calcanhar de maracujá é não andar descalço em locais pouco higiênicos, que possam ter moscas frequentemente, uma vez que podem existir ovos de larvas no chão. No entanto, outros cuidados incluem:

  • Você deve evitar ter feridas expostas, especialmente em locais tropicais ou com presença de moscas;
  • Você deve usar repelente de insetos em toda a área exposta do corpo;
  • Você deve utilizar repelente de moscas em casa;
  • Você deve limpar pelo menos uma vez vez por semana o chão de casa;
  • Você deve manter uma boa higiene;
  • Você não deve colocar as roupas para secar em contato com o solo
  • Você deve evitar ambientes com moscas, pois elas podem depositar ovos e larvas em roupas, areia, terra, úlceras, orifícios corporais e, inclusive, pele sã;
  • Você deve utilizar mosquiteiros em sua casa;

Além disso, também é aconselhado passar a roupa antes de usar, principalmente quando se vive em regiões tropicais e existe risco de o tecido entrar em contato com uma ferida.

evitar o calcanhar de maracujá

Calcanhar de Maracujá: o que é, Como se Pega a Doença?
5 (100%) 1 voto


Comente