Inverno

Inverno… frio… cobertores… agasalhos…. Época da preguiça para levantar da cama, das roupas mais “pesadas”, das comidas mais gordurosas, de pouco sol e… época ideal para cuidar da pele.

Uma pele bem cuidada é vista de longe; portanto, tratamentos apropriados a cada tipo de pessoa podem ajudar, e muito, na melhora da auto-estima.

A melhor época para realizar tais tratamentos é o inverno, pois os processos que levam à descamação da pele necessitam de fotoproteção adequada – característica perfeita desta estação que é caracterizada pela ausência tanto de raios solares intensos quanto de banhos de sol intermináveis (muitas terapias usam algumas substâncias que podem manchar ou deixar cicatrizes se houver a incidência contínua dos raios de sol).

O tratamento mais comum é o peeling (a partir de alguns ácidos, a pele começa a descamar, renovando-se posteriormente). Esse procedimento pode ser feito de maneira superficial ou profunda, sendo sempre necessário o acompanhamento de um médico ou dermatologista credenciado, pois se o tratamento for feito de forma errada, as conseqüências, na maioria das vezes, são irreversíveis: manchas escurecidas na pele, cicatrizes e até mesmo uma infecção.

O cuidar da pele não envolve apenas o rosto, portanto, o peeling também é uma ótima opção para as mãos (que ficam com manchas escurecidas por causa da idade) e para as estrias.

O inverno também é perfeito para acabar com os pequenos vasos e varizes. Como o tratamento é feito por picadas de agulha, a estação fria dificulta o aparecimento de cicatrizes.

A depilação definitiva também é uma boa opção. Geralmente feita a laser, o processo exige mais de uma sessão e praticamente nenhum contato com o sol.

O lifting, técnica que levanta a pele do rosto e acaba com o excesso, é realizado por meio de aparelhos, e no inverno o período pós-operatório é bem mais tranquilo, pois o inchaço e a sensação de desconforto são menores. Mas, atenção: somente um dermatologista ou cirurgião plástico pode realizar este procedimento.

Inverno


Veja abaixo alguns dos tratamento mais utilizados:

Gomagem

É um peeling corporal feito com produtos naturais. Ele retira as células mortas da pele provocadas pelo sol. Também deixa a pele com tom uniforme e aspecto macio.

 

Peeling Natural

É indicado para a remoção de manchas. A aplicação atenua pequenas rugas em fase inicial. A pele sofre descamação por cinco dias, mas são necessárias pelo menos três aplicações, além de quatro hidratações faciais para surtir efeito.

 

Depilação a Laser

Indicada para ser feita durante o inverno, pode durar mais ou menos quatro meses. Existe também o sistema Apollo de depilação que possibilita um resultado prolongado. O método tem baixa incidência de efeitos colaterais, menor risco de mudança na pigmentação da pele, não deixa cicatriz e não causa queimaduras.

 

D´Peeling

Sem utilização dos ácidos e por meio de equipamentos, esse tratamento funciona no rejuvenescimento da pele do rosto. Também facilita a microcirculação, removendo a camada mais externa.

 

Esfoliação Corporal

É um tipo de afinamento cutâneo que elimina as células mortas da camada córnea da pele.

 Talassoterapia

É uma hidroterapia efetuada em banheira ergonômica. O paciente sofre uma drenagem linfática aquática altamente desinfiltrante. Além de fazer parte das terapias antiestresse, o tratamento pode ajudar nos problemas de gordura localizada e celulite.

Estriax

Por meio de Ultra-som de 28.000Hz e repetidas aplicações de ácido glicólico, o tratamento atua diretamente na estria. O resultado é bom quando o problema é recente.

TRATAMENTOS DE INVERNO
5 (100%) 2 votos

RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES
Cuide da sua saúde.
Receba nossos novos artigos em seu e-mail e fique sempre informado!

Comente