Nervo Ciático Inflamado

Ouça esse artigo em versão audio:

Nervo Ciático Inflamado: O que é e Causas

A inflamação do nervo ciático trata-se de uma neuralgia causada pela irritação do nervo ciático. O nervo ciático inflamado causa dor na parte inferior da coluna, na parte traseira da coxa e no quadril, na panturrilha, e até mesmo na sola e nos dedos dos pés.

As principais causas que deixam o nervo ciático inflamado são pressão ou dano ao nervo ciático, causando a dor. A hérnia de disco comprime os nervos que saem da medula espinhal, e se o nervo ciático inflama com esta compressão, a pessoa sente uma dor ao longo do nervo. Outras causas do nervo ciático inflamado são a má postura e o sedentarismo; gravidez e obesidade, que pressionam a coluna vertebral; tumor próximo ao nervo ciático, como o neurinoma; estenose do canal lombar, com o estreitamento do canal vertebral; síndrome do piriforme; traumas e golpes fortes, que podem danificar os nervos. Quando fraturada, a vértebra pode liberar fragmentos que comprimem os nervos, causando dor.

Passe o mouse sobre o osso da perna:

Espondilolistese

A espondilolistese trata-se de uma doença degenerativa no disco, geralmente ocorrida com o deslizamento leve da vértebra para a frente, em cima da outra, causando dor. O nervo pode ser esmagado pelo osso. A sobrecarga vertebral se dá por motivos como excesso de peso, uso de sapatos com salto por períodos longos e remoção de cargas pesadas feita da maneira errada.

Dor no Nervo Ciático durante a Gestação

O nervo ciático inflamado durante a gestação fica nesta condição quando o feto cresce, levando ao aumento do útero, o que pode ocasionar esmagamento do nervo. A dor ciática na gravidez geralmente é causada pelo ganho de peso, e é diferente da dor lombar e das cãibras. A dor ciática é aguda, começando da parte inferior da coluna e descendo até as pernas. Esta dor é frequente e ocorre a partir da 12ª semana pós-concepção. A pressão exercida de forma constante sobre o nervo ciático causa dores nas costas e até mesmo fraqueza dos músculos nas pernas.

dor-ciática

Sintomas

O sintoma do nervo ciático inflamado mais frequente é a lombalgia, dor que ocorre na coluna, e dor nas pernas, ao longo do nervo. Entretanto, a dor nem sempre acontece ao longo do nervo, podendo alguns indivíduos sentirem dor nos glúteos ou na parte externa da panturrilha. Geralmente a dor é intermitente, mas os casos graves apresentam dor constante. Quando danificado de forma grave, o nervo causa dor na coluna de forma muito forte, debilitando a pessoa. Felizmente, são raros os casos em que a danificação no nervo ciático é para sempre. Geralmente o nervo ciático inflamado causa dor na pena quando a pessoa permanece sentada, parada ou em pé por 10 minutos ou mais. Ficar deitado na cama ou caminhar ajuda a aliviar os sintomas.

Os sintomas mais comuns da compressão nervosa são formigamentos no pé; perda de força; perda de sensibilidade; reflexos tendinosos reduzidos; queimação; limitação dos movimentos. Os casos mais graves apresentam dor nas pernas e até mesmo incontinências fecal e urinária. Nestes casos, a cirurgia pode ser aconselhada pelo neurocirurgião. Apesar de algumas pessoas acreditaram que um dos sintomas da dor ciática é a febre, isto não é um fato comprovado cientificamente.

Diagnóstico

A avaliação dos sintomas, bem como o histórico clínico ou médico, ou ainda anamnese, são os passos iniciais do diagnóstico. Certos casos necessitam de exames, como a ressonância magnética, a radiografia e a eletromiografia.

Tratamento

Infográfico Aliviando as Dores do Nervo Ciático

Inclua o infográfico em seu site/blog copiando e colando o código:

 

Natação, equitação, caminhadas, ciclismo e exercícios aeróbicos leves contribuem para a cura da inflamação do nervo ciático, sendo a cirurgia indicada somente em último caso. O tipo de cirurgia varia de acordo com o que causa a dor ciática, e a dor do nervo pode ser reduzida com o descanso feito por alguns dias. O sedentarismo pode causar o enfraquecimento dos músculos, piorando o caso, já que os músculos lombares e abdominais ajudam a proteger as articulações da coluna vertebral. Portanto, exercícios que reforcem os músculos são indicados para a prevenção e cura do nervo ciático inflamado. O yoga também contribui para o treinamento muscular com as suas posturas, proporcionando maior espaçamento entre as vértebras.

GIF poses de Yoga para o Nervo Ciático

Inclua o GIF em seu site/blog copiando e colando o código:

Nervo Ciático Inflamado: Tratamento não-cirúrgico

Nos casos em que o nervo ciático inflamado é tratado sem a cirurgia, as opções podem ser o uso de compressas quentes; repouso; aplicação de frio; analgésicos; fisioterapia. O repouso é recomendado pelos médicos para os casos em que a dor é leve. A bolsa de água quente também é um remédio caseiro que pode aliviar a dor. Quando aplicada nas primeiras 48 horas, a bolsa de água quente pode combater a inflamação e a dor.

Nos casos de ciáticas agudas, o alívio imediato pode ser alcançado através do uso de medicamentos anti-inflamatórios que não sejam esteroides, como o diclofenaco e o cetoprofeno. Cortisona, como a betametasona, e relaxantes musculares, como o tiocolchicosídeo, também são eficientes para dor ciática aguda. É comum que os médicos prescrevam o uso de injeção anti-inflamatória junto de relaxantes musculares. Caso os princípios ativos não reduzirem a dor, as infiltrações de cortisona podem ser feitas pelo médico. Estes tratamentos contribuem para um alívio temporário, mas não são capazes de eliminar a causa do problema. Caso a dor ciática seja proveniente da hérnia de disco ou da estenose do canal lombar, pode haver recaídas.

A fisioterapia é bastante positiva na redução da dor nervosa, sendo considerada por muitos especialistas o melhor tratamento do nervo ciático inflamado. Praticar atividades físicas regularmente contribui para o fortalecimento dos músculos da coluna e do abdômen, corrigindo assim a postura da pessoa. Deste modo, a fisioterapia, somada à reeducação postural, são métodos que ajudam a controla a dor originária de quando o nervo ciático é comprimido.

No início do tratamento, os exercícios físicos para a coluna devem ser leves. Atividades como reforço muscular, exercícios de alongamento, caminhada leve e atividades aeróbicas de baixa intensidade também são recomendadas para o alívio da dor no nervo ciático. Lembre-se de sempre consultar o médico antes de iniciar a terapia.

yoga

Nervo Ciático Inflamado: Remédios Naturais

Além do repouso, outras atitudes podem ajudar no combate à inflamação do nervo ciático. Quando você for dormir, evite ficar deitado com a barriga para cima (posição supina). A posição fetal é a mais recomendada para se dormir, e pode ser feita com um travesseiro entre as pernas. Jamais coloque gelo na coluna. Dentre as curas naturais, podemos citar a aplicação de calor na área que está dolorida, pois ele contribui para uma melhor circulação sanguínea, além de reduzir o tempo que os tecidos danificados levam para cicatrizar. Você pode utilizar uma bolsa de água quente.

Osteopatia e Quiropraxia

A dor do nervo ciática pode ser curada por um quiroprático com experiência, que alinhará a coluna vertebral através da manipulação das articulações. O tratamento contribui para que o movimento da coluna seja mais amplo. Geralmente o tratamento de quiropraxia é feito em uma ou mais sessões. A osteopatia, por sua vez, é uma terapia manual que é capaz de reduzir a tensão nervosa. O nervo ciático pode ser comprimido nas regiões da coluna vertebral, pelo músculo piriforme, por ligamentos na pélvis, por trás do bíceps femoral e na fossa poplítea, localizada ao lado da cabeça da fíbula. O profissional osteopata é capaz de desbloquear as articulações, relaxando os músculos que comprimem ou esticam o nervo.

Nervo Ciático Inflamado: Massagens

Após a manipulação, algumas massagens podem ser aconselhadas imediatamente. Deste modo, a tensão dos músculos da coluna é reduzida, melhorando o fluxo do sangue.

Ingerir Vitamina B

A vitamina B contribui para o combate à inflamação do nervo ciático. Alguns dos alimentos que são fontes de vitamina B são o espinafre, a ervilha, o feijão, a banana, a noz, a soja, o arroz e os grãos integrais, o pão integral, a soja, saladas, leguminosas, o alho, a salsa, as folhas verdes, o tomate e os legumes frescos. O alho, por exemplo, é capaz de aquecer o nosso corpo, promovendo a circulação do sangue e agindo como um analgésico natural. O consumo diário de alho recomendado é de 1 a 2 dentes.

Atenção: no caso de doenças que causam hemorragia ou no consumo de anticoagulantes, o consumo de alho deve ser evitado.

Nervo Ciático Inflamado: Tempo de duração e recuperação

O tempo da cura do nervo ciático inflamado é variável, dependendo de quão grave é a doença. Há casos de pacientes que melhoram de maneira quase completa após 2 ou 3 dias, com o desaparecimento da inflamação aguda após isto. Geralmente o tempo de recuperação leva cerca de 3 a 4 semanas, com a terapia certa para o caso. Já a recuperação pós-cirurgia leva em torno de 2 meses. Porém, o paciente espera por muito tempo antes da operação.

Confira o vídeo a seguir:

Este artigo foi útil?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média: 4,75 de 5)
Loading...